Dicas para higienizar e armazenar salada.

Dia a dia, Tudo Mais
14/01/15

Muita gente adora salada mas deixa de comer por falta de tempo (ou preguiça) para lavar. A boa notícia é que se você armazenar direitinho as folhas já lavadas, pode resolver o trabalho chato dos 10 dias seguintes de uma vez só.
E se tiver tudo já lavadinho, na hora da refeição é só abrir o “tapaué” e usar a criatividade para incrementar sua salada.

Antes de ler sobre a melhor forma de lavar e armazenar as folhas, veja essas diquinhas rápidas:

1. O ideal é sempre armazenar as folhas inteiras, sem picar. Dessa forma, a durabilidade é maior.
2. Se for usá-las nos próximos 2 dias, depois de limpas, podem ser guardadas em porções individuais, tanto em saquinhos como em recipientes de vidro/plástico com tampa.
3. Se puder separar os tipos de folhas, melhor, porque cada uma tem um tempo de validade e uma folha estragada pode “melar” a vizinha.
4. Folhas não ficam legais depois de congeladas.
5. O maior segredo para a durabilidade, é que as folhas sejam guardadas bem sequinhas.
6. Não guarde a salada já temperada.

PARA LAVAR: O ideal é utilizar um produto à base de hipocloreto de sódio. Na minha casa, usamos esse da foto, mas única e exclusivamente porque é o que vende no supermercado mais próximo (tem também em formato de pastilha, mas prefiro líquido).
Atenção; vinagre não é suficiente para matar os microorganismos.

santomenu-lavarearmazenarsalada12
Fiz um curso de técnicas de cozinha pelo site da Eduk (excelente, recomendo!), ministrado pelo chef Jonathan Lauriola, que ensinou o processo de higienização da seguinte forma:
“Solte” as folhas do maço/pé. A forma mais fácil é cortando o talo:

IMG_3205

Retire as folhas murchas, estragadas e jogue fora.

Em um recipiente grande, coloque bastante água e a proporção de sanitizante de acordo com a embalagem. Depois disso, coloque as folhas de molho nesta solução e aguarde por 15 minutos (ou o tempo indicado na embalagem). Os resíduos sólidos devem se soltar e ficar na água.

santomenu-lavarearmazenarsalada11
Passado o tempo, dê uma enxaguada em água corrente ou mergulhando as folhas em outro recipiente com água.

Se você ainda não tem uma centrífuga de salada (está na hora de comprar), escorra as folhas em um escorredor e seque-as ao máximo – pode ser com um pano de pratos bem limpo. Caso já tenha a centrífuga, é agora que vai usá-la:

santomenu-lavarearmazenarsalada7

santomenu-lavarearmazenarsalada14
PARA ARMAZENAR: Forre o recipiente (com tampa) que irá armazenar as folhas com papel toalha seco.

santomenu-lavarearmazenarsalada10
Sobre o papel toalha, disponha as folhas com cuidado:

santomenu-lavarearmazenarsalada6
Sobre as folhas, coloque papel toalha levemente úmido (borrife um pouquinho de água).

santomenu-lavarearmazenarsalada9
Tampe o recipiente e guarde na geladeira.

santomenu-lavarearmazenarsalada13
Lembre-se todos os dias de trocar os papel-toalhas.
Se quiser guardar mais de um tipo de folhas no mesmo recipiente, pode fazer camadas intercalando papel toalha e folhas, em cada camada, um tipo de folha.
Segundo o chef Johnatan Lauriola, dessa forma as folhas podem manter-se frescas por uns 10 dias.

santomenu-lavarearmazenarsalada5
Fotografei essa salada só para ilustrar o post: alface, tomate cortadinho, granola salgada, cenoura ralada temperados com azeite, sal e vinagre balsâmico.

santomenu-lavarearmazenarsalada3
E você, tem alguma boa dica para facilitar a vida na cozinha? Compartilhe conosco nos comentários ou mande e-mail para joana@santomenu.com.br

POSTS RELACIONADOS


  1. Pingback: Santo Menu » Menu semanal de 21a 25 de setembro