Sopa

Sopa de pera com gorgonzola.

Aperitivos, Receitas, Sopa
25/05/15

Nessa época cai super bem uma sopa quentinha para o jantar, mesmo aqui no Rio não fazendo frio de verdade.

E a receita de hoje, acompanhada de vinho, virou hit aqui em casa. Aprendi no sítio dos meus sogros e, como fã dessa combinação de pera com gorgonzola (já viu essa salada?), amei logo de cara.
É bem do tipo que gosto: fácil, poucos ingredientes e com um toque meio diferente. Gosto da ideia de servir para os amigos em porções pequenas como aperitivo ou entrada.

Veja como é fácil:

Tempo de preparo: 30 minutos
Grau de dificuldade: fácil
Rendimento: Depende se será servido mais alguma coisa. Aqui foi apenas a sopa, para 5 pessoas.
Ler Mais

POSTS RELACIONADOS


Vichyssoise (Sopa de Alho-Poró).

Festas, Recebendo os amigos, Receitas, Sopa
07/04/15

Fria ou quente, a Vichyssoise (leia-se vichissoáze) sempre faz sucesso. Pode ser uma entradinha ou mesmo um jantar leve. Servida em bowls, prato fundo… Ou que tal nos copinhos de licor/cachaça como aperitivo?

E foi essa sopa francesa uma das minhas primeiras aventuras na cozinha, quando fiz um curso de culinária em francês no Liceu Pasteur, escola que estudava na época, com 10 anos de idade. Já era velha conhecida minha pois minha mãe sempre fez em casa, e a receita de hoje é a dela mesma.

Como disse um amigo outro dia:  é quase um Gaspacho francês.

Tempo de preparo: 20 minutos
Grau de dificuldade: fácil
Rendimento: 4 pessoas (depende se será entrada, aperitivo e o que mais será servido)
Ler Mais

POSTS RELACIONADOS


Sopa de batata-doce com creme de coco – Bela Cozinha.

Livros de culinária, Receitas, Sopa
19/03/15

Quinta-feira e mais uma receita do livro do mês Bela Cozinha, da Bela Gil. A primeira que fiz, Salada de Quinoa com Ervilha, ficou boa, mas sem surpreender. A segunda, das Batatas Fritas (que na verdade são assadas) foram sucesso absoluto, tanto que já fiz outras vezes.
Mas preciso confessar que estou tendo dificuldade de escolher as receitas. Algumas simplesmente não me atraem, e outras contêm ingredientes não muito comuns ou difíceis de achar. Enfim, no final do mês faço um post contando em detalhes minha opinião.

A sopa de hoje ficou boa, mas confesso que não correspondeu à minha expectativa. Fui atraída pela apetitosa foto do livro, e a realidade ficou bem diferente. Não sei se fiz alguma coisa errada, mas implico com receitas que não cumprem o prometido. O creme de coco que vai sobre a sopa não ficou como deveria.
A Bela Gil fala pra bater coco ralado com água de coco e eu bati MUITO, mas nada de formar um creme, ficou bem pedaçudo. Não que tenha ficado ruim, mas não consegui uma apresentação tão charmosa.

E o sabor, tão ou mais importante que o visual, ficou ótimo, mas puro cravo-da-índia. Ou seja, se eu fizer de novo essa receita, que é possível que faça, já que ficou boa, vou tirar ou, ao menos, diminuir esse ingrediente.

Tempo de preparo: 30 minutos
Grau de dificuldade: fácil
Rendimento: 4 porções
Ler Mais

POSTS RELACIONADOS